Menu Fechar

Ai o tempo!…

Bom dia de quase-Primavera!

Espero que o Domingo lhe esteja a correr bem, solarengo!

Hoje terminei de ler uma das leituras da minha lista: Como viver com 24 horas por dia. Devo dizer que gostei.

Um livro de ideias simples e muito bem colocadas, com uma escrita em bom português (o que é sempre agradável) e que nos relembra daquelas pequenas verdades que fazemos por ignorar, por ser mais conveniente…

As ideias do autor passam pela comparação da gestão do tempo à gestão das finanças, pelo orçamento disponível, análise daquilo que fazemos com ele e daquilo que podemos e queremos fazer. O interessante é a forma como o autor desenvolve cada uma destas ideias. Mas não entro em pormenores porque o livro é tão pequeno que lhe aconselho a lê-lo para saber mais. 😉

Aquilo que retiro para mim do que li, neste momento:

  1. a importância de adicionar a auto-análise às coisas que aproveito para fazer nos momentos livres (leia-se de trabalho, mas entre tarefas)
  2. vontade de voltar a ler alguma poesia
  3. organizar as minhas leituras por temas e em vez de andar a saltitar entre estes para que a leitura seja mais variada, juntar todas as leituras sob um mesmo tema para melhorar a análise e aprofundar o desenvolvimento

Valeu a pena e recomendo.
E já agora – li-o entre ontem à noite (sim, antes de dormir) e o pequeno-almoço de hoje (incluindo ao acordar). O que significa duas coisas: que a sua leitura é rápida e me estou a esforçar para introduzir a leitura na minha rotina diária.

E já agora, partilho algumas dicas para criar mais tempo diário para aquelas coisas que são tão importantes e que quer realmente fazer.


Bom Domingo e boas leituras!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

4 × one =