Menu Fechar

DIY: Bouquet de flores de papel com bombons para oferta

Bom dia!

Gosto muito de criar, quer as criações saiam algo de jeito ou não, mas é um facto e criar dá-me imenso prazer! Hoje partilho consigo mais uma dessas criações. Esta foi inspirada em algumas fotos que vi no pinterest. Não tenho a fonte da criação, pois os links dão num beco sem saída, mas foi aqui e aqui.  

Consiste num bouquet de flores de papel, cujo recheio são bombons, numa caixa em EVA e oferecido a alguém que se quer mimar! O primeiro destes mimos levou brinde! É em tudo igual ao passo a passo em baixo, mas no centro do bouquet coloquei uma mini garrafa de champanhe rosé, fazendo um buraco no centro da espuma de florista.

O segundo já saiu com mais alguns pormenores. Neste primeiro não preenchi os espaços abaixo das flores. Mas é preciso é ir melhorando e… o que conta é a intenção!  

Então, como fazer…  

Material necessário:

  • papel para fazer as flores (verde e da cor que se pretender para as pétalas)
  • palitos para espetada ou para “bolos de palito”
  • tesoura
  • fita-cola
  • bombons

Instruções:

Experimentei fazer flores de duas formas diferentes.

Para a primeira, e para cada flor, cortei 4 tiras da cor que pretendia para as pétalas com aproximadamente 15 x 6 cm, 1 tira de papel verde para as folhas abaixo da flor com aproximadamente 9 x 3 cm e uma tira de papel verde com aprox. 0,7 cm de largura.

Para esta última tira o comprimento não era importante, cortei-a ao longo da altura do papel que tira, pois destinava-se a cobrir o palito.  

Comecei por prender os bombons nos palitos com fita-cola.  

Para as pétalas, peguei em cada uma das tiras de papel, dobrando-a ao meio longitudinalmente, ficando com 3 cm de largura. Depois, ao meio dessa tira dei duas voltas, torcendo-a.  

Juntando essas duas metades ficamos com uma forma de concha na ponta que torcemos, que será a parte de cima da pétala.

De seguida é só envolver o bombom com 4 pétalas, cuja parte de baixo enrolamos no palito uma a uma.

Para fazer as folhas da base da flor, dobrei a a tira verde pequena (9 x 3 cm) como se fosse um acordeão, fazendo 3 ou 4 dobras.

Segurando-o dessa forma, fiz um corte de um lado e outro do outro para formar um triângulo, sem cortar a base do mesmo para que os triângulos ficassem unidos. Ficou confuso? Espero que não, mas a imagem abaixo ajuda.

Depois de enrolar estas “folhas” na base da flor, enrolamos em volta a última tira verde, que esconde todo o palito.

Neste passo, em vez de usarmos uma tira cortada de papel verde, podemos utilizar fita verde de florista. Pode até ser adesiva, o que facilita, mas não é necessário e assim sai mais barato.

Terminamos com fita-cola e pronto! Está feita a flor.  

Para a segunda flor, usei apenas um um pedaço de papel cor-de-rosa com aproximadamente 20 x 8 cm (nem precisa ser tão grande, mas costumo fazer a olho e não tenho uma medida certa) e as tiras verdes com as mesmas medidas da flor anterior. E a única diferença está nas pétalas.

Em vez de serem 4, é apenas uma. Esse papel, dobrado ao meio, resulta num rectangulo de 10 x 8 cm, que dobrado novamente ao meio, fica com 5 x 8 cm.

Cortando uma curva ficamos com um semicírculo dobrado ao meio. Se ficar confuso, podem ver o video aqui.  

Depois é só envolver o bombom com este semicírculo.

E o resto é igual.

Para a caixa foi só preciso: cortar em EVA dois círculos do tamanho de um cd e uma tira com o tamanho do diâmetro do cd (um pouco mais longa só para prevenir) e com a altura que pretendemos para a caixa; espuma de florista; um cd que não sirva mais; fita e/ou outros acessórios para decorar a caixa.  

A caixa é simples de se fazer, basta traçar o diâmetro do cd com o cabo de um pincel ou uma lapiseira fechada (lápis ou caneta pode notar-se no final), recortar as duas “bolachas” e colar uma de cada lado do cd com cola de contacto. Assim ficamos com uma base mais resistente.

Depois é só colar a tira em volta e por fora do cd. Onde as duas pontas se unem, pode sobrepôr-se uma à outra, colando por cima, ou cortar-se à medida e colocando a cola entre ambas. Disfarçamos então a união com uma fita e decoramos a caixa a gosto.    

Resta apenas: – cortar a espuma para colocar no interior – colocar as flores, cujos “caules” cortei ao meio por serem demasiado longos – preencher os espaços entre as flores com pedaços de papel verde – oferecer a quem quer dar um mimo.

Se quiser ver o video de como fiz esta última oferta, é só seguir este link. Espero que tenha gostado e se experimentar, conte-me! 🙂  

Beijinhos floridos,
Sofia

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

4 × 3 =